quarta-feira, 4 de abril de 2012

Estive aqui.


Não deixe muitas marcas.

Mas, estive aqui.


Toquei o coração de alguns

Com meu amor.


Limpei algumas chagas

Que me chegaram ao alcance das mãos.


Enxuguei lágrimas sentidas

De amigos.


Presencie o desespero

E ofereci o que pude.


Eu estive aqui.


Talvez não tenha feito o que me era o dever.

Cumprindo os planos da espiritualidade.


Mas, tentei. Juro tentei.

Ser melhor, ao menos um pouco, a cada dia.


E quando caía orava e pedia nova chance.

E os teste se sucederam.


Eu estive aqui.


Não posso julgar agora meus atos.

Deixo o tempo disso se encarregar.


Quem sabe estou melhor do que penso.

E na senda, sem perceber, avancei sem pensar.


Nenhum comentário: