terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Estás comigo.



Estás comigo.
Seja o que for estás comigo.
Onde estiver eu em dor
Estás comigo.
Perdido em choro pelo fim do amor.
Estás comigo.
Abandonado, solitário, extremamente só
Estás comigo.
Na escuridão, sem rumo, sem saída
Estás comigo.
Sem amigos
Estás comigo.
Sem esteio
Estás comigo.
Em meus milhões de erros estás comigo.
Basta enfim olhar com olhos de vê
E confirmo, estás comigo.
E nada que eu fizer ou houver
Deixarás de estar comigo.
Obrigado Pai.

2 comentários:

Nyce Pinto. disse...

Boa noite Malika! Que linda mensagem...leve, doce... Obrigada por compartilhar! Um feliz Natal e um 2012 cheio de alegria e paz!
Abraçãooooo

O sofrologista católico disse...

Existem duas formas de destruir a misericórdia: eliminando o pecado e eliminando o perdão. Estas são precisamente as duas atitudes mais comuns nos dias que correm. Numa enorme quantidade de situações não se vê nada de mal. Naquelas em que se vê, não há desculpa possível. As acções do próximo ou são indiferentes ou intoleráveis. O que nunca são é censuradas e perdoadas. O que nunca se faz é combinar o repúdio do pecado com a compaixão pelo pecador.