sábado, 8 de novembro de 2008

Nossa Senhora de Lourdes

Mãe Maria.

Que mãe és tu?

Que longe vive

Mas, que te sinto.

Que não me esquece

Que me socorre em todos os mundos.

Que me enche de ternura.

Que me acende a alma.

Que purifica meus desejos.

Que me leva a Deus.

Que mãe és tu?

Que nunca se zangas.

Que nunca se aborrece.

Que me trata sempre feito criança.

Que mãe és tu?

Que me ama profundamente.

Que em teus olhos azuis.

Perco-me eternamente em amor.

Que mãe és tu?

Mãe de todos que te desejam.

Como mãe e guia.

Mãe perfeita.

Mãe Maria.


(inspirado por Luís)

(visite:
Poemas e Encantos II )




Um comentário:

Carlos Lopes disse...

Emocionado. Cumplicidade íntima nesta partilha espiritual de devoção à nossa Mãe, minha querida irmã de Luz.Grato, Grato, Grato.
carlos