quinta-feira, 26 de junho de 2008

Letras d’alma.

Letras d’alma.


Letras d’alma em banho Maria.

Em fogo brando aquece.

Meu coração fortalece

Faz-me reviver.


Acorda sentimentos dormentes,

Revive cenas crentes,

Donde presenciei o amor atuar.


Letras d’alma que aprecio.

E não me sinto tão vazio,

Como um balão aberto solto ao ar.


São as cenas de vidas minhas,

Sentimentos acossados,

Orgulho espezinhado,

Sobriedade obtida.


Letras d’alma

Alma minha.

Que não tem quem a ninar.

Letras que abrem o mundo da poesia.


Letras d'alma,

Alma minha.

Nos poemas te aninha.

Faz minha alma sonhar.


(visite:
Poemas e Encantos II )


2 comentários:

Bípedes disse...

Oi,

No instante que apreciei sua escrita,percebi que ela é especial pela pureza transmitida em seus versos.

Um amplexo!

Poemas e encantos disse...

Obrigada pela visita.

Seus poemas também são especiais.

um ósculo fraterno.