sexta-feira, 20 de julho de 2007

Aviso do além bem humorado.


Amas a vida ligeiro.
Não se esqueça que ela passa.
Breve, rápida, que nem fumaça.

Amas tudo o que tens.
É teu por justo direito.
Desde que não seja alijado.
De nenhum dos teus companheiros.

Cuida bem do teu corpo.
Ele te acompanha em tudo.
Se não fizeres direito.
Sentirá da boca o túmulo.

Não gozes com os quês sofrem.
Mais tarde, pode apostar.
Que o riso que agora desses.
Em lágrimas há de se transformar.

Seja sábio, dócil e atencioso.
E mesmo que não seja formoso.
Atenção ira chamar.
Para um par belo encontrar.

Ame a todos sem distinção.
Todos são os teus irmãos.
Diferentes na embalagem.
Na essência iguais são.

Ri de tudo que puderes.
Cara feia é mau humor.
Aprende com o que acontece.
E não te deixa levar por falso pudor.

Enfim, sejas um homem imperfeito.
Porque ainda assim o és.
Mas, contudo... Dá um capricho

Para que no fim da trilha
E tristeza da tua alma
Não te encontres com o rabicho.

“Quem avisa amigo é”.

6 comentários:

Eduardo Fernandes disse...

Bom dia, belos poemas, aliás quem os escreve? Você mesmo?
E de onde tira as imagens?

Eduardo Fernandes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Eduardo Fernandes disse...

Eu vi um Anjo

maria aparecida disse...

GOSTARIA DE RECEBER NO MEU EMAIL SEUS POEMAS PODE SER??
LINDOS PARABENS SOU KARDECISTA TB, DO CENTRO PERSERVERANÇA/NOEL.
BJKS E FIQUE COM DEUS

Poemas e encantos disse...

OI Eduardo.

Algums sao meus.
Outros são sob inspiraçao.
As imagens pesco na rede mesmo.
Um abraço.

Poemas e encantos disse...

Oi Aparrecida.
Enviaria para seu e-mail mas não sei qual é...
Caso o envie para mim tudo bem.
Um abraço e obrigada.